Câmara aplaude policiais que libertaram reféns no São José

A ação dos policiais militares e civis no resgate de vítimas feitas reféns por assaltantes, no ultimo sábado (13/10), na zona leste de Manaus, foi bastante elogiada pelos vereadores da capital que, na sessão desta segunda-feira (15/10) aprovaram Moção de Parabenização às equipes que atuaram no episódio, neutralizando e apreendendo os criminosos e libertando as vítimas em segurança.

A proposta de moção, iniciativa dos vereadores Chico Preto (PMN) e Joana D’arc Protetora dos Animais (PR) foi subscrita e aprovada por todos os demais parlamentares presentes à sessão.

Os vereadores ressaltaram a atuação dos policiais do Comando de Operações Especiais (COE), da Ronda Ostensiva Cândido Mariano (Rocam), da Força Tática da Polícia Militar e da Força Especial Resgate e Assalto (Fera), da Polícia Civil e do policiamento da 9ª Companhia Interativa Comunitária (Cicom), envolvidos na ação.

Durante a votação da Moção, Chico Preto disse que a proposta é um reconhecimento aos policiais e todos os envolvidos num trabalho conjunto e preparado contra o crime organizado. “O crime deve ser combatido com firmeza e competência. Parabéns às equipes que foram precisas, preservando a vida das vítimas e trazendo um sentimento de segurança à população”, observou.

Joana D’arc ressaltou o trabalho dos policiais pela positiva ação e comprometimento com a segurança. “Espero que esses policiais não sejam reconhecidos apenas pelo ato de coragem, mas, também, pelos serviços que prestam à sociedade todos os dias”, completou.

O vereador Coronel Gilvandro (PTC) destacou que o desempenho positivo dos policiais na ação é resultado do bom treinamentos que eles recebem em suas corporações.

Hiram Nicolau (PSD) citou o trabalho de preparação das tropas policiais realizado durante a Copa do Mundo de Futebol de 2014 e que foi deixado como legado para a cidade de Manaus, uma das subsedes da competição.   “Manaus está com sua segurança preparada para este tipo de crime. Parabéns aos policiais que gerenciaram de forma segura a ação contra os criminosos”, reforçou.

Qual Sua Opinião? Comente:

Deixe uma resposta