Bolsonaro em encontro com Pauderney: “O povo do Amazonas pode ficar tranquilo”

O deputado federal não reeleito Pauderney Avelino (DEM) conseguiu o que nem o governador eleito, Wilson Lima (PSC), nem os dirigentes locais do PSL conseguiram: teve um encontro hoje pela manhã com o presidente eleito, Jair Bolsonaro (PSL), no Centro Cultural Banco do Brasil, em Brasília, onde está trabalhando a equipe de transição. E arrancou dele uma mensagem ao povo amazonense, sobre a manutenção da Zona Franca de Manaus. 

“Peço que você tranquilize o povo amazonense, porque para mim a Zona Franca de Manaus é extremamente importante, tem um papel relevante para a Amazônia e para o Brasil e tem que ficar protegida. Qualquer mudança que venha acontecer na economia você vai ficar perto mim para que a gente possa conversar antes para verificar se qualquer medida econômica afetará a Zona Franca de Manaus”, disse Bolsonaro a Pauderney.

O deputado amazonense anunciou que deve ser reunir com o futuro ministro da Economia, Paulo Guedes, e outros integrantes da equipe de transição já na próxima segunda-feira (12), para buscar melhorias nas pautas fiscais do país e da Zona Franca de Manaus.

Bolsonaro já demonstrou, mesmo antes do segundo turno, que tem consideração por Pauderney. Os dois chegaram juntos à Câmara Federal em 1991, pelo mesmo partido, o PDC. Desde então mantêm boa relação. Em vídeo gravado na casa dele, o presidente eleito garantiu que o antigo colega participaria de seu governo.

Empresários do Polo Industrial de Manaus fazem lobby para que Pauderney assuma a superintendência da Suframa.

Qual Sua Opinião? Comente:

Deixe uma resposta