Abrigo Moacyr Alves inaugura moderna piscina coberta para exercícios, com apoio do Japão

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on email
Share on print

piscina moacyr

As crianças e adolescentes com deficiências do Abrigo Moacyr Alves e comunidade poderão contar com um novo serviço voltado para as atividades terapêuticas aquáticas em Manaus. Nesta sexta-feira, 15 de julho, às 15h, o Abrigo Moacyr Alves e o Consulado do Japão em Manaus inaugurarão a piscina coberta na sede da instituição localizada na Rua Profª Léa Alencar, 1014, Alvorada I, Zona Centro-Oeste da cidade.

Com a inauguração desse espaço será possível ampliar os atendimentos, passando a ser todos os dias da semana nos dois turnos (matutino e vespertino), além de proporcionar ainda a prática da hidroginástica nas novas instalações.

Todos serão beneficiados, pois além das 56 crianças e adolescentes deficientes (neurológicas e físicas) da instituição, serão atendidas também as pessoas da comunidade do bairro, e todos aqueles que dela necessitarem.

A área da piscina possui 217 m² de área coberta, com rampa interna além de ser aquecida. Possui 2 vestiários (masculino e feminino); 4 banheiros e 2 áreas de banho adaptados, todos adaptados para pessoas deficientes, além da rampa de acesso aos usuários.

O projeto é resultado da parceria com a representação do Governo Japonês através do seu consulado, em Manaus, com a doação dos recursos para o financiamento do Projeto de Reforma e Ampliação da piscina.

O evento de inauguração contará com a presença do Cônsul Geral do Japão em Manaus, Sr. Shuji Goto e das pessoas que compõem seu gabinete; do Presidente do Núcleo de Amparo Social Tomás de Aquino – Abrigo Moacyr Alves, Sr. José Tarcísio Feijó F. Machado; da Diretora do Abrigo Moacyr Alves, Sra. Claudete Ciarlini, da equipe multidisciplinar da instituição, autoridades e as pessoas que dela se beneficiarão. Na ocasião, será realizada uma Aula Inaugural de Hidroginástica e um atendimento inaugural de hidroterapia.

De acordo com o fisioterapeuta da instituição, Flademir Inácio, “com a reforma e ampliação desse espaço”, será possível a ampliação dos atendimentos para a comunidade, ofertando a prática da hidroterapia e psicomotricidade aquática da qual Manaus tem muita carência. As atividades aquáticas possuem menor impacto corporal, e pelo fato da água também ser aquecida auxilia no relaxamento do paciente, proporcionando um resultado bem mais positivo, pois, qualquer pessoa pode ser tratada no meio aquático, sem perda e sem desgaste para o paciente”, afirmou.

Qual Sua Opinião? Comente:

Deixe uma resposta