Pressão para salvar polo de concentrados da Zona Franca passa agora para deputados do Amazonas

Depois da aprovação, pelo plenário do Senado, de decreto legislativo dos senadores do Amazonas derrubando e medida tomada pelo presidente Michel Temer, que sobretaxou o Polo de Concentrados da Zona Franca de Manaus, agora a pressão passa para a bancada amazonense na Câmara Federal. É que os deputados federais precisam referendar a decisão da Câmara Alta.

Para pressionar pela aprovação do decreto legislativo, senadores e deputados do Amazonas reúnem-se hoje com o presidente da Câmara Federal, Rodrigo Maia (DEM/RJ), que a princípio está comprometido com a causa. Ele promoveu uma reunião em sua residência oficial tão logo o decreto presidencial foi publicado, na época da greve dos caminhoneiros. A medida foi tomada para compensar a renúncia fiscal que o Governo Federal faria para atender os grevistas.

Caberá agora à bancada de deputados do Amazonas, formada por Pauderney Avelino (DEM), Alfredo Nascimento (PR), Hissa Abrahão (PDT), Arthur Bisneto (PSDB), Átila Lins (PP), Conceição Sampaio (PSDV), Silas Câmara (PRB) e Gedeão Amorim (MDB) dar andamento à demanda, que visa preservar mais de 20 mil empregos diretos no Pólo Industrial de Manaus, nas indústrias que fabricam xarope para refrigerantes, sem contar os mais de 100 mil empregos indiretos gerados em outros segmentos.

Like
Like Love Haha Wow Sad Angry

LEAVE A REPLY