Manaus abandonada

Por Ronaldo Derzy Amazonas*

Por força das atividades que tenho empreendido na campanha eleitoral nos fins de semana ora reunindo com pessoas ora visitando bairros e comunidades na periferia, tenho percebido o completo abandono em que se encontra nossa cidade e seus comunitários.

Escolas caindo aos pedaços, ruas esburacadas, bueiros sem tampa, esgotos a céu aberto, iluminação pública inexistente, unidades de saúde que não funcionam especialmente à tarde, e o prefeito Arthur só pensando em fazer reunião política, receber correligionários em gabinetes refrigerados, acordando depois do meio dia e gastando indiretamente o dinheiro dos munícipes pra desesperadamente eleger seu candidato ao governo.

Arthur critica o governador, fica dando ralho público em outras autoridades e adversários políticos porém, esqueceu que foi eleito até com minha ajuda e voto para governar Manaus e seus problemas. É certo que ainda não me arrependi!

Arthur, vive arrotando aquele palavrório de argumentador e até grande orador que é, mas precisa trocar o dia pela noite, sair do gabinete, atender aos reclamos e necessidades do povo manauara e parar de pensar na sua eleição pra Senador em 2018 assunto que consome suas energias e sua inteligência vinte e cinco horas do dia, esse talvez, a maior e mais profunda razão do porque abandonou Manaus.

Em Tempo: Arthur precisa respeitar a Lei do Plano de Cargos dos Servidores da SEMSA autorizando o pagamento do reajuste da data base de 1o de abril deste ano, sendo o primeiro prefeito da história a romper com o mandamento legal.

O prefeito precisa ainda quitar o calote que deu nos fornecedores de sua campanha de 2016 levando pequenas empresas e empresários à falência. Pense nisso Arthur!

Té logo!

*O autor é farmacêutico e empresário

Like
Like Love Haha Wow Sad Angry

LEAVE A REPLY