Delegados pedem aceleração de processo que acaba com a 5ª classe

0
358

Na última terça-feira, (16),o presidente em exercício da Associação de Delegados de Polícia do Estado do Amazonas- ADEPOL-AM, Sandro Sarkis e o delegado Daniel Aquino, reuniram-se com o Delegado Geral, Frederico Mendes, para pedir que ele desse continuidade e celeridade ao oficio nº 0031/2014, entregue dia 17 de setembro de 2014, que encontra-se parado na Polícia Civil desde então, e requer a extinção da 5ª Classe do cargo de Delegado de Polícia e remanejamento de cargos e vagas existentes.

Mendes disse que irá trabalhar em conjunto com Governo do Estado, para que o processo em andamento, seja solucionado ainda em sua gestão.

De acordo com o Art. 2º, da Lei nº. 3.722, de 19 de março de 2012, que trata para efeito de harmonização das classes com os demais cargos da carreira policial, ficará extinta a 5ª classe do cargo de Delegado de Polícia, após o estágio probatório dos atuais ocupantes do referido cargo, a contar do ano de 2015.

Para o delegado Daniel Aquino, o resultado da reunião foi satisfatório. “ O importante é que o doutor Frederico deixou claro que está disposto a atender nossa solicitação”, disse ele.

A ADEPOL-AM requereu administrativamente em 17 setembro de 2014 a extinção da 5° classe e o reenquadramento do cargo. A assessoria jurídica da Polícia Civil emitiu parecer favorável ao imediato reenquadramento dos delegados de 5° classe na 4° classe.

No decorrer de 2015, a ADEPOL-AM protocolou ofício requerendo o prosseguimento do processo, que até agora permanece sem movimentação da assessoria jurídica da entidade.

“Ficaremos de olho processo, para que venha ser concluído ainda este ano”, informou Sandro Sarkis.

LEAVE A REPLY