Delegada pede ajuda para encontrar desaparecido

A delegada Catarina Torres, titular da Delegacia Especializada de Ordem Política e Social (Deops), solicita a colaboração de todos na divulgação da imagem do pedreiro Jhone Vieira da Costa, 33, desaparecido desde o dia 7 de outubro deste ano.

De acordo com o seu sogro, Francisco Assis Rodrigues, no dia em que desapareceu, o pedreiro teria saído por volta das 16h da casa onde mora, localizada na rua Professora Maria Fiuza, antiga Santa Luzia, no bairro Redenção, zona centro-oeste. Na ocasião, informou que iria levar o carro de um conhecido para lavar. Desde então, os parentes não tiveram mais notícias sobre ele.

Francisco disse que o genro possui o nome Jhon tatuado no braço direito. Quem puder colaborar com informações que levem ao paradeiro do pedreiro, entrar em contato com os servidores da Deops pelo número (92) 3214-2268. Para falar com os familiares do desaparecido, ligar para os números (92) 99281-9945 ou 99494-0430.

A Deops está situada nas dependências da Delegacia Geral, localizada na avenida Pedro Teixeira, nº 180, bairro Dom Pedro, em frente ao Centro de Convenções (Sambódromo), zona centro-oeste da cidade.

Like
Like Love Haha Wow Sad Angry

LEAVE A REPLY